segunda-feira, 28 de julho de 2008

O Caso Ubatuba


Em 1954, um OVNI foi notado fazendo alguns movimentos no céu pelos banhistas da praia de Ubatuba - São Paulo. Depois de algumas voltas, o OVNI explodiu e alguns fragmentos cairam na areia. A explosão foi tão forte, que os maiores pedaços eram talvez um pouco maior que a palma da mão.

Esses fragmentos foram recolhidos pelo governo brasileiro e submetidos a análises laboratoriais. Algumas amostras foram enviadas para laboratórios nos Estados Unidos e posteriormente para a Inglaterra. O laudo laboratorial foi de magnésio em 100% de pureza.

Os americanos e os ingleses ficaram literalmente "loucos", querendo saber como nós tínhamos conseguido este materal....

Os químicos e entendidos em metais que estão lendo isso agora, devem estar se sentindo um pouco desconfortáveis. Nós, em pleno século XXI - ano 2002, não temos tecnologia para produzir nada com elemento a 100% de pureza, ainda mais magnésio. Magnésio é um metal tão leve, que poderia ajudar em muito na construção de nossas naves e bases espaciais.

Esse caso foi bem relatado e documentado e é amplamente conhecido no mundo ufológico. E você, acredita em tecnologia extraterrestre?...

Dê a sua opnião no nosso email ou no nosso grupo de debate

Fonte:

http://www.acasicos.com.br/html/caso-ubatuba.htm

5 comentários:

Anônimo disse...

meu avõ era de ubatuba e nos contou uma vez q viu um disco saindo do mar em ubatuba , pos ele sempre pescava á noite , nunca mais se arriscou a ir pro mar á noite !!!! Eu tambem já avistei uma luz muito longe , bem alta que fazia movimentos verticaise horizontais , num piscar de olhos desapareceu.....

Cristhian Brezolin disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cristhian Brezolin disse...

Párabéns por seu blog realmente muito elucidátivo sobre o assunto, gostei muito e me tornei um seguidor. Até mais.
Cristhian Brezolin

http://tudosobreufologia2010.blogspot.com/

Carlos Franco disse...

Nossa tecnologia ainda está engatinhando. Veja como exemplo a máquina de Antkythera, ou então as pedras de Ica, no Peru.

Anônimo disse...

Sou morador de Ubatuba a 32 anos...é impressionante a quantidade de avistamento de Ovnis que temos por aqui(tinha muito mais no passado)estando os avistamentos sempre ligados a algum costume ou folclore.Como por exemplo as "Mães D'água" que sempre relatam aqui não são nada mais do que sondas ufológicas...são muitos ricos os relatos de aparições e avistamentos arraigados ao folclore local.Jairo Quadros - Ubatuba.