sexta-feira, 9 de fevereiro de 2007

Casos Ufológicos Brasileiros: Operação Prato e ovni em Florianópolis

Operação Prato



A operação desenvolvida pela Força Aérea Brasileira (FAB) para investigar secretamente Objetos Voadores Não Identificados, no Pará, em 1977 e 1978, volta à tona. A 5ª Sessão Vídeo-Debate sobre Ufologia, segunda-feira (27/07), apresenta um vídeo com depoimento do comandante desta operação (leia ao lado), documentos e provas do que foi visto e registrado sobre o fenômeno. Durante os anos de 77 e 78, os paraenses estavam desesperados, exigindo uma solução do prefeito, pois haviam luzes no céu que lançavam raios, machucando as pessoas. Como nem o prefeito e nem o governador sabiam o que fazer, chamaram o Exército. Foi então montada a Operação Prato. Um grupo de militares disfarçados, entrevistou vários moradores da região e fotografou Ovnis, no céu. Quem faz o relato é o próprio protagonista desta operação Coronel Uchôa.


Foto: Fenômeno luminoso registrado pela Operação Prato





OVNI cruza o céu de Florianópolis em alta velocidade


No início do mês de abril de 1997, Altair da Silva Vieira, motorista e morador de São José, região da Grande Florianópolis, SC, filmou, com uma câmera comum, as manobras de um avião comercial que se preparava para aterrissar no Aeroporto Hercílio Luz. Ao assistir ao filme em sua casa teve uma grande surpresa, pois percebeu que um objeto, em altíssima velocidade, deslocava-se do canto superior esquerdo da tela na direção do canto inferior direito. Com o recurso de câmera lenta não ficaram dúvidas de que o objeto estava muito distante do avião e tinha grandes proporções. O aspecto mais importante deste avistamento não é o que ele pode explicar, mas o que ele não pode explicar. Suas limitações semearão o processo de descobertas que levarão a visões de mundo diferentes, ou seria de "mundos diferentes..."???
Fonte: Planetário da Universidade Federal de Santa Catarina.

5 comentários:

Anônimo disse...

Eles estão nos estudando á tempo.E nos tentamos nos comunicar com os mesmos e quem sabe conseguiremos adquirir seus conhecimentos em tecnologia que é bem mais avançada do que a nossa!
Ass: Rosinei Fernandes.

evaliz.@hotmail.com disse...

tenho certeza, só não tenho como provar que a terra é o planeta mas primitivo do sistema solar, ainda matamos para comer e matamos também nossos semelantes e por isso ainda não temos acesso a estas tecnologias super avançadas, porque a usaremos para o mal. já destruimos nosso planeta por ganância e ambição, o que fariamos se pudessemos ir ao planeta vizinho? eva rodrigues dos santos. campo grande ms

Anônimo disse...

Concordo plenamente com Eva Rodreigues dos Santos.jvab3@oi.com.br

Anônimo disse...

Eva, te acho muito coerente, você esta certa em gênero número e grau. Abraço.

Anônimo disse...

Em Janeiro de 2010 e após 15 dias eu vi um circulo formado por varias luzes estava distânte ,pensei na hora que era um avião, mas como estava o tempo todo fazendo horizontal, tipo em um espaço pequeno de lá pra cá daqui pra lá, e não andava pra frente, começei a chamar pessoas que também viram,ficou mais ou menos 15 minutos e foi desaparecendo até sumir de vez